A Secretaria de Administração Regional Municipal Noroeste, criada em 1985, ostenta a condição – em comparação com outras regionais da capital - de ser detentora da melhor sede e do maior número de habitantes. Sua população (331.362) corresponde ao número de habitantes da quinta cidade de Minas. 

Esse número de habitantes requer da Prefeitura de Belo Horizonte investimentos constantes na quantidade e qualidade de serviços ofertados. Na área de educação, a Prefeitura de Belo Horizonte oferta serviços para 12.903 estudantes matriculados em 17 escolas municipais e 9 Unidades de Educação Infantil-Umeis. Há 22 creches conveniadas disponíveis para atender a comunidade. 

O setor de saúde conta com 16 Centros de Saúde disponibilizados para a comunidade, dois centros de referência em saúde mental, um para adultos e outro para crianças (Cersam - Centro de Referência de Saúde Mental , Cersami – Centro de Referência de Saúde Mental Infantil).
Nas dependências do URS Padre Eustáquio estão laboratório distrital, farmácia distrital e Central de Esterização. Nessa unidade, além das consultas especializadas, a Prefeitura oferece atendimento para pré-diabéticos e o Centro de Reabilitação – CREAB.
 

Na rua Frederico Brecher, n° 105, funciona um complexo de saúde que tem os serviços: o Centro de Saúde Carlos Prates, o Laboratório Municipal de Referência Em Análises Clínicas e Cito patologias, o Centro Municipal de Oftalmologia, o Centro Municipal de Diagnóstico por Imagens e o Centro de Regulação em Alta Complexidade além do Centro de Educação e Saúde. A Noroeste abriga o Hospital Municipal Odilon Behrens (rede municipal) e o Hospital Alberto Cavalcante (rede estadual).

Várias ações da Política de Assistência Social são desenvolvidas com o objetivo de articular as políticas sociais, promover e fomentar a intersetorialidade em prol do atendimento integral às famílias e comunidades da Região Noroeste. Através das gerências a ela vinculadas e do programa BH Cidadania, através dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), nas Vilas Califórnia, Coqueiral, Senhor dos Passos e Pedreira Prado Lopes, realizou no último ano aproximadamente 34.000 atendimentos a famílias em situação de vulnerabilidade Social com vistas à inclusão social. A região conta também com o Centro Dia do Idoso (Dom Cabral) e o Centro de Referência da Pessoa Idosa (Caiçara). Na região Noroeste existe ainda um Centro Cultural no Bairro Padre Eustáquio e um Ginásio Poliesportivo no Bairro Dom Bosco.  

Por meio da Gerência Regional de Licenciamento e Fiscalização Integrada são realizadas vistorias em atendimento a denúncias realizadas pelo cidadão relativas à construção, atividades em vias públicas, posturas, limpeza urbana e meio ambiente. No ano de 2012 foram realizadas 15.038 diligências. O setor também é responsável pela emissão de licenças para eventos em vias públicas, mesas e cadeiras no passeio, engenho de publicidade, toldo, demolição e movimentação de terra.

 Nos 497 km de vias da Regional, a prefeitura realiza os serviços de tapa-buracos, coleta de lixo, limpeza e roçagem. Todo ano a Prefeitura limpa, nos períodos antes e depois das chuvas, cerca de 140 mil metros quadrados de 16 córregos que cortam a Regional Noroeste.
São realizadas a manutenção das áreas verdes das 106 praças, 30 canteiros os quatro parques municipais da regional além dos serviços de poda e supressão de árvores em logradouros públicos. O serviço pode ser solicitado via SAC – Serviço da Atendimento ao Cidadão e atendido no prazo de 35 dias. O Comitê de Controle da Dengue da Regional Noroeste desenvolve semanalmente mutirões de limpeza. Em 2012, nos mutirões realizados, foram recolhidos 338.300 toneladas de lixo.

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 SAC - Atendimento ao Cidadão
Mapa Interativo de Belo Horizonte
BHTrans 
Procon